jusbrasil.com.br
14 de Outubro de 2019

OAB-PR aprova proposta para suspensão de cursos de Direito por 10 anos no país

A proposta de moratória citou o exemplo do Conselho Federal de Medicina, que conseguiu junto ao MEC a suspensão de novos cursos de Medicina no país por cinco anos

Correção FGTS, Estudante
Publicado por Correção FGTS
há 2 anos

Imagem relacionada

A OAB Paraná aprovou por unanimidade nesta sexta-feira (2) uma proposta que pede que o Conselho Federal da Ordem interceda junto ao Ministério da Educação para suspender a abertura de novos cursos de Direito no país por um período de 10 anos.

O texto inicial apresentado pela conselheira de Londrina Vânia Queiroz sugeria a suspensão por um prazo de cinco anos, mas após o debate os membros do Conselho Pleno da OAB Paraná consideraram que o período de uma década é mais adequado para restabelecer um planejamento sobre o ensino do Direito e o mercado da advocacia no país.

Assim como o Conselho Federal de Medicina, a justificativa da OAB-PR para o pedido de moratória de novos cursos de Direito baseou-se, especialmente, na baixa qualidade do ensino e na saturação do mercado para esses profissionais no Brasil.

“Vivemos um momento difícil em que os cursos estão com nível de qualidade abaixo da expectativa. Há um sucateamento dos cursos, com autorizações sendo concedidas sem o devido critério de análise, onde se visa lucratividade sobre os alunos e não se almeja a qualidade”, disse Vânia Queiroz, em nota publicada no site da OAB Paraná.

Fonte: http://www.gazetadopovo.com.br

Veja também :

21 Comentários

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)

Vamos esperar que seja aprovada, o que acho difícil, afinal o dinheiro sempre fala mais alto. Enquanto isso, diversos "profissionais" são formados a cada semestre ou ano nas "uniesquinas". De cada uma dessas turmas, o real interesse, dedicação e competência passa longe de aproximadamente 80% dos alunos matriculados. continuar lendo

Registro meu apoio a iniciativa dos colegas Paranaenses.
OAB/SP deveria aderir ao projeto. Pressionar o MEC. Extinguir inúmeros cursos jurídicos.
Ainda que o Exame de Ordem venha a barrar um pouco, não é o suficiente.

Boa sorte para esta iniciativa. Tem meu apoio. continuar lendo

Eu tenho dúvidas sobre essa suspensão e se isso não está a defender outros "interesses"... continuar lendo

A OAB deveria fazer o que é competência dela: filtrar os maus profissionais no exame de ordem e continuar com o selo "OAB Recomenda". continuar lendo

"Competência dela" com muitas aspas né? continuar lendo